Total de visualizações de página

segunda-feira, 29 de maio de 2017

SÓ EU


SÓ EU 

Só eu sinto o teu coração a bater.
E, consigo decifrar o que ele diz.
Só ele faz-me enaltecer.
E, desejar que te sintas feliz.

Só eu zelo, com este ardor.
Por este amor que me transcende.
E, se torna avassalador
A cada instante que me surpreende.

Só eu vigio o teu sono.
E, acaricio os teus cabelos.
E, te coloco num trono.

Rodeada de muitos labelos.
Só eu te proporciono.
Estes momentos tão belos. 

Luís Filipe D. Figueiredo

Todos os direitos reservados
Lei de Direitos de Autor (Lei 9610/98)





 

Nenhum comentário:

Postar um comentário